Avaliando aceitação do sabor de suco de caju via modelo de chances proporcionais mistos

  • Laura V. T. de Paula
  • Ana Maria S. de Araújo
  • Idemauro Antonio R. de Lara
  • Tatiana O. Lemos
Palavras-chave: Modelos de chances proporcionais, Modelos mistos, Pacote ordinal, Suco de caju

Resumo

O modelo de chances  proporcionais é um método que pode ser utilizado para descrever a relação entre variáveis  categóricas ordinais e uma ou mais covariáveis. Sendo este uma extensão dos modelos lineares generalizados, ele permite que se obtenham probabilidades acumuladas para cada uma das categorias de resposta e, por consequência, as probabilidades marginais. Com isso,  o presente trabalho tem como finalidade ajustar um modelo de chances proporcionais para verificar aceitação do sabor de suco de caju.  Assim, o experimento foi realizado em  Fortaleza-CE, onde 100 (cem) provadores não treinados, previamente selecionados, após provarem uma pequena quantidade de suco foram convidados a responder várias questões, dentre elas: "Por favor, utilizando a escala abaixo, descreva o quanto você gostou ou desgostou de cada amostra com relação ao sabor". A resposta a esta questão é composta por várias categorias ordinais para 5 diferentes marcas de suco de caju. Um modelo foi ajustado para esse experimento, e a fim de tratar a possível dependência existente entre as observações foi adicionado ao modelo de chances proporcionais  um efeito aleatório, constituindo-se, então em um modelo misto.  A análise dos dados bem como o ajuste dos modelos foram efetuados com auxílio do pacote ordinal disponível no software R, versão 2.15.

Referências

CHRISTENSEN, R.H. Analysis of ordinal data with cumulative link models estimation with the R-package ordinal. Disponível em: http://cran.r-project.org/web/packages/ordinal/vignettes/clm_intro.pdf. Acesso em: 10 abril 2013.

CHRISTENSEN, R.H. Analysis of sensory ratings data with cumulative link models. Journal de la Societé Française de Statistique. (Submetido)

COSTA, T. R. Modelos lineares mistos: uma aplicação na produção de leite de vacas da raça sindi. 2010. 79 p. Dissertação (Mestrado em Biometria e Estatística Aplicada) - Universidade Federal Rural de Pernambuco, UFRPE, Recife, 2010.

MACFIE, H. J.; BRATCHELL, N.; GREENHOFF, K.; VALLIS, L. Designs to balance the effect of order of presentation and first-order carry-over effects in hall tests. Journal of Sensory Studies v. 4, n. 2, p. 129 148, 1989.

McCULLAGH, P. Regression Methods for Ordinal Data. Journal of The Royal Statistical Society, Series B, London, v. 42, p. 109 142, 1980.

STRAM, D.O.; WEI, L.J.; WARE, J.H. Analysis of repeated ordered categorical outcomes with possibly missing observations and time-dependent covariates. Journal of American Statistical Association, Boston, v. 83, p. 631 637, 1988.

R CORE TEAM. R: A language and environment for statistical computing. R Foundation for Statistical Computing, Vienna, Austria. 2012. Disponível em: http://www.R-project.org/. Acesso em: 10 abril 2013.

Publicado
27-10-2014