HISTÓRIA: CONSELHEIRA PRÁTICA DA EXISTÊNCIA

Marcos Antônio Lopes

Resumo


Resumo: análise das bases da Historia magistra vitae, salientes em autores antigos da Grécia e de Roma, e que teve vida longa na cultura ocidental. Um dos propósitos do artigo é redimensionar a história exemplar como gênero narrativo voltado ao ensino moral. A análise pretende também sugerir os pontos fortes e as limitações da história ciceroniana ao longo da Época Moderna. Por fim, o texto passa em revista alguns fatores responsáveis pelo declínio de um gênero de escrita da história que conheceu uma longevidade milenar.

Palavras-chave: história do pensamento histórico; história como escola de moral e virtude; história e sabedoria política.

Abstract: an analysis of the Historia Magistra Vitae bases, visible in ancient authors of Greece and Rome, and had a long life in Western culture. One purpose of this paper is to conceptualize history as narrative genre aimed at teaching morals. The analysis also aims to suggest the strengths and limitations of ciceronian history over the Modern Times. Finally, the text looks at some factors responsible for the decline of a genre of writing history which experienced a millennial longevity.

Keywords: History of historical thought; history as school of moral and virtue; history and political education.


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Periódico indexado em:

– Portal Periódicos CAPES (http://www.periodicos.capes.gov.br)

– DOAJ (https://doaj.org)

– Latindex (http://www.latindex.unam.mx)