VITALIDADE E DESERTIFICAÇÃO URBANA: UMA ANÁLISE DA ÁREA CENTRAL DA CIDADE DE POÇOS DE CALDAS - MG

Autores

DOI:

https://doi.org/10.29327/243949.4.7-1

Palavras-chave:

Vitalidade Urbana, Desertificação Urbana, Segurança Urbana, Mercado Municipal, Feiras Livres

Resumo

Este artigo se propôs analisar a vitalidade urbana, bem como a desertificação urbana em um recorte da área central da Cidade de Poços de Caldas, considerando um percurso com pontos de atração de moradores nativos da cidade. A análise se deteve aos dias de final de semana quando o fluxo de pessoas diminui consideravelmente. Foi feita uma revisão bibliográfica para reunir informações acerca dos temas de vitalidade urbana e desertificação urbana, criando diretrizes para a análise da área de estudo, baseados nos autores clássicos como Jane Jacobs e Kevin Lynch. Para análise da área foi realizado trabalho de campo para buscar evidências das diretrizes no espaço. Através de fotografias e observação in loco nos dias de sábado, no período da manhã quando acontece a feira livre e no domingo após o meio dia, quando os comércios fecham. Após a análise, foi elaborado um diagrama de manchas, considerando os parâmetros de análise estabelecidos pela revisão bibliográfica, demonstrando a vitalidade e a desertificação da área escolhida.

Referências

ARAÚJO, J. A.; MORAIS, M.T. Elementos de qualificação afetiva de um espaço público: o caso da praça da paz em João Pessoa. Pixo, Pelotas, v.7, n.25, p. 516-537, 2018.

ASSOCIAÇÃO ATLÉTICA CALDENSE. História. Disponível em: http://caldense.com.br/wordpress/index.php/institucional/historia/. Acesso em 06 de novembro de 2023.

DIAS, S. Arquitetura hostil e a percepção da sensação de insegurança: uma barreira para vitalidade e urbanidade, no bairro do Espinheiro. Dissertação (pós-graduação em estudos urbanos e regionais). Universidade Feceral do Rio Grande do Norte – Natal, 2019.

DPCT-PC. Ficha de inventário do Terminal de Linhas Urbanas. Poços de Caldas: Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Urbano, xxx

IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Censo Demográfico 2022. Disponível em: https://www.ibge.gov.br/cidades-e-estados/mg/pocos-de-caldas.html. Acesso em: 06 de novembro de 2023.

JACOBS, J. Morte e vida das grandes cidades. São Paulo: WMF Martins Fontes, 2011.

LEAL, E; COSTA, J. ALMEIDA, G. Desertificação socioambiental em espaços urbanos. Brazilian Journal of Development. Curitiba, v. 6, n. 10, p. 78154-78166, 2020.

LERNER, J. Acupuntura urbana. Rio de Janeiro: Record, 2011.

LYNCH, K. A imagem da cidade. Lisboa: Edições 70, 1960.

LYNCK, K. A boa forma da cidade. Lisboa: Edições 70, 1981.

PREFEITURA DE POÇOS DE CALDAS. Mercado Municipal. Disponível em: https://pocosdecaldas.mg.gov.br/noticias/mercado-municipal/. Acesso em 06 de novembro de 2023.

SAN MICHEL SUPERMERCADOS. Loja Pernambuco. Disponível em: https://www.meusanmichel.com.br/pocos-de-caldas-loja-pernambuco-centro-r-pernambuco. Acesso em 06 de novembro de 2023.

SANTANA, T.; RAGAZZI, G. Vitalidade urbana nos espaços públicos: um estudo na cidade do porto, Portugal. Paisagem e ambiente, São Paulo, v. 30, n. 43, p. 1-18, 2019.

TV POÇOS. Restaurante Popular terá cardápio especial para dia 31. Disponível em: https://tvpocos.com.br/restaurante-popular-tera-cardapio-especial-para-dia-31/. Acesso em 06 de novembro de 2023.

Downloads

Publicado

02-04-2024 — Atualizado em 03-04-2024

Versões

Como Citar

SOUZA , Cristiane; PINHEIRO , Jordana; DINIZ , Tamires; REIS MACHADO, Gustavo. VITALIDADE E DESERTIFICAÇÃO URBANA: UMA ANÁLISE DA ÁREA CENTRAL DA CIDADE DE POÇOS DE CALDAS - MG. Boletim Alfenense de Geografia, [S. l.], v. 4, n. 7, p. 1–24, 2024. DOI: 10.29327/243949.4.7-1. Disponível em: https://publicacoes.unifal-mg.edu.br/revistas/index.php/boletimalfenensedegeografia/article/view/2304. Acesso em: 18 abr. 2024.