Comportamento alimentar e imagem corporal em universitárias do curso de nutrição

  • Tatiane C. Oliveira Graduanda em Nutrição, Universidade Federal do Mato Grosso (UFMT)
  • Tatiana Bering Departamento de Alimentos e Nutrição, Universidade Federal do Mato Grosso (UFMT)
  • José Roberto Temponi Oliveira UFMT/Docente https://orcid.org/0000-0001-6580-2547
  • Neuber J. Segri Departamento de Estatística, Universidade Federal do Mato Grosso (UFMT).
Palavras-chave: insatisfação corporal, distúrbios alimentares, nutrição

Resumo

Avaliar a relação entre a imagem corporal e o risco para comportamentos de risco para transtornos alimentares (TA) em universitárias do curso de nutrição. Métodos: Abordagem quantitativa, em um estudo transversal com amostra por conveniência de estudantes de nutrição do sexo feminino. Para obtenção dos dados, utilizaram-se dois instrumentos autoaplicáveis: o Silhouette Matching Task (SMT), o Eating Attitudes Test (EAT-26), além das variáveis sociodemográficas. Para análise dos dados, aplicou-se o teste qui-quadrado de Pearson, adotando-se o nível de significância de 5%. Resultados: A maioria são solteiras (81%), com idade variando de 18 a 24 anos (82%). Para a imagem corporal, o Silhouette Matching Task (SMT) apontou 83% das universitárias apresentaram algum tipo de insatisfação com a imagem, e a prevalência de comportamentos de risco para transtornos alimentares de acordo com o EAT-26, foi de 23%. Houve associação estatisticamente significativa entre a SMT e EAT-26 (p < 0,001). Conclusão: Evidenciou-se a existência de relação entre a insatisfação com a imagem corporal e comportamento de risco para transtornos alimentares em universitárias do curso de nutrição.

Biografia do Autor

José Roberto Temponi Oliveira, UFMT/Docente
Professor Associado Departamento de Estatística - UFMT - Cuiabá - MT; área: Estatística

Referências

ABREU CN, CANGELLI FILHO R. Anorexia nervosa e bulimia nervosa: a abordagem cognitivo- construtivista de psicoterapia. Psicologia: Teoria e Prática, 2005;7(1): 153-165.

ALVARENGA, M.S; SCAGLIUSI, F. B.; PHILIPPI, S. T. Comportamento de risco para transtorno alimentar em universitárias brasileiras. Revista de Psiquiatria Clínica, São Paulo, v.38, n.1, p.3-7, 2011.

ANDRADE A, BOSI MM. Mídia e subjetividade: impacto no comportamento alimentar feminino. Revista de Nutrição. 2003; 16(1): 117-125

APPOLINÁRIO JC, CLAUDINO AM. Transtornos alimentares. Rev Bras Psiquiatr. 2000; 22(2): 28-31.

BOSI, M.L.M.; LUIZ, R.R.; MORGADO, C.M.C.; COSTA, M.L.S.; CARVALHO, R.J. Auto percepção da imagem corporal entre estudantes de nutrição: um estudo no município do Rio de Janeiro. Jornal Brasileiro de Psiquiatria, Rio de Janeiro, v.2, n. 55, p.108-113, 2006.

CORDÁS TA. Transtornos alimentares em discussão. Rev Bras Psiquiatr. 2001; 23(4):178-9.

FIATES, G.M.R.; SALLES, R.K. Fatores de risco para o desenvolvimento de distúrbios alimentares: um estudo em universitárias. Revista de Nutrição, v.14, p.3-6, 2001.

GARNER DM, GARFINKEL PE. The Eating Attitudes Test: an index of the symptom of anorexia nervosa. Psychol Med. 1979; 9(2): 273-9. 15.

KIRSTEN VR. FRATTON F, PORTA NBD. Transtornos alimentares em alunas de nutrição do Rio Grande do Sul. Rev Nutri, 2009; 22(2): 219-227.

LAUS, M.F.; MOREIRA, R.C.M.; COSTAS, T.M.B. Diferenças na percepção da imagem corporal, no comportamento alimentar e no estado nutricional de universitárias das áreas de saúde e humanas. Revista de Psiquiatria do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, v.31, n.3, p.192-6, 2009.

MAGALHÃES, V. M.; MENDONÇA, G. A. S. Transtornos alimentares em universitárias: estudo de confiabilidade da versão brasileira de questionários autopreenchíveis. Revista Brasileira de Epidemiologia, São Paulo, v. 8, n.3, p.236-245, 2005.

MARSH HW, ROCHE LA. Predicting self-esteem from perceptions of actual and ideal ratings of body fatness: is there only one ideal “supermodel”. Research Quartely for Research Quartely for exercise and Sport Research Quartely for exercise and Sport, exercise and Sport, v. 67, n. 1, p.13-23, 1996.

MARTINS, C.R.; GORDIA, A.P.; SILVA, D.A.S.; QUADROS, T.M.B.; FERRARI, E.P.; TEIXEIRA, D.M. et al. Insatisfação com a imagem corporal e fatores associados em universitários. Estudos de Psicologia. v.17. n.2. p.241-6. 2012.

MOREIRA, D. E.; PINHEIRO, M. C.; CARREIRO, D. L. et al. Transtornos alimentares, percepção da imagem corporal e estado nutricional: estudo comparativo entre estudantes de nutrição e de administração. Revista da Associação Brasileira de Nutrição, São Paulo, Ano 8, n. 1, p. 18-25. 2017.

PENZ, R.L.; DAL BOSCO, S.M.; VIEIRA, J.M. Risco para desenvolvimento de transtornos alimentares em estudantes de Nutrição. Scientia Medica, v.18, n.3, p.124-128, 2008.

SILVA, J.D.; SILVA, A.B.J.; OLIVEIRA, A.V.K.; NEMER, A.S.S.; Influência do estado nutricional no risco para transtornos alimentares em estudantes de nutrição. Ciência & Saúde Coletiva, Rio de Janeiro. vol.17 no.12. 2012.

SOUZA Q.J.O.V.D, RODRIGUES A.M. Comportamento de risco para ortorexia nervosa em estudantes de nutrição, Jornal brasileiro de psiquiatria; v.63,n.3, p.200-204. 2014.

Publicado
02-08-2019